sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Capacitação-Oficinas Profissionais


Objetivo: Desenvolver atividades de assistência técnica para Empresas de Economia Solidária que precisam de apoio para estruturar sua gestão e acessar o mercado. Nesse sentido oferecemos um conjunto de conteúdos e procedimentos de trabalho que integram o fortalecimento da auto gestão dos grupos com sua profissionalização e a inserção no mercado, para garantir de forma efetiva, a geração de trabalho e renda.



Oficinas de Capacitação: As oficinas de capacitação proporcionam aos treinandos atividades educacionais, ocupação e geração de renda.
Através do contato com o lixo seco, os treinandos terão a oportunidade de aprenderem diferentes técnicas (papietagem, dobradura, oribana, prensagem manual, modelagem, quilling) para a transformação destes materiais em objetos utilitários e decorativos. Pela dinâmica das aulas os treinandos irão desenvolver suas habilidades artísticas e melhorar o senso tátil, participando ativamente do construir artefatos, além de receberem variada informação sobre os detalhes que compõem todas as etapas do processo.
“Nada mais estimulante do que observar um trabalho artístico feito pelas próprias mãos”.
Ao longo da realização das oficinas, em conjunto às atividades práticas, existe também a preocupação de despertar nos treinandos atitudes de preservação em relação aos bens da natureza e ao lixo produzido.
É um bom momento para entrar no universo da reciclagem!

Sobre as oficinas de capacitação:

Dinâmica:

- Abordagem em temas como: Figuras Geométricas, Proporção e Equilíbrio, Teoria das Cores;
- Uso de moldes e ferramentas de apoio na construção de artefatos;
- As técnicas: modelagem, prensagem manual, quilling, papietagem, oribana, outras;
- Uso de colas, tintas e técnicas decorativas;
- Impermeabilização, acabamento e apresentação do produto;
- Aplicação das técnicas na elaboração dos objetos;
- Noções de vitrinismo e embalagem
- Cálculo de custos e preço de venda dos produtos.

Módulo Técnico – aulas práticas e expositivas

a) uso de moldes e ferramentas de apoio na construção de artefatos;
b) cola caseira – como fazer;
c) tintas – reaproveitamento para aplicação;
d) uso de colas, vernizes e técnicas decorativas;
e) técnicas: prensagem manual, papietagem, outras;
h) construção de objetos aplicando as técnicas aprendidas;
f) impermeabilização, acabamento;




























































Nenhum comentário:

Postagens populares